sexta-feira, 20 de julho de 2012

EMOLDURADA


Minas Gerais


Sob céus mineiros, onde o sol derrama sombras pelas alterosas.
História lavada em sangue e honra de um povo sábio e heróico.
Cidades que se opõe ao firmamento, exaltando sua glória.
Vales de sagacidade sem fim.


As montanhas cercam e reúnem,
aqueles que, sob sua influência,
sabem o valor do silêncio,
e conhecem a essência.


Sons e cheiros do campo,
sedutores e inebriantes.
Noites estreladas e calmas,
e um belo olhar no horizonte. 


De tantos caminhos e destinos, quase toco as nuvens.


Em um mirante, sempre sinto a força do vento.
Uma paisagem qualquer sempre trás doce lembranças.
Nas florestas um caminho, uma senda.
Testemunhamos a vida bem na fonte.


Onde as raízes se misturam ao Minério de Ferro,
e outros tão preciosos metais.
Foi nesta terra de brilho,
em que me apaixonei por Minas Gerais.


Poesia de Diogo Nicolas M. Teixeira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog