CONTATO

CONTATO


e-mail: charles50mm@gmail.com

9 comentários:

  1. Parabéns pelo trabalho são belos olhares e bem registrados, também sou fotógrafo e gosto muito de fotos de natureza.

    ResponderExcluir
  2. Descobri este site por acaso, pesquisando sobre BH para construir minha própria página. Excelentes fotos. Poucas vezes a cidade foi retratada em perspectiva tão serena, quase literária. Meus parabéns!

    ResponderExcluir
  3. Cara, gosto muito da suas fotografias e do seus textos. Meus parabéns!

    ResponderExcluir
  4. Recomendo que tires uma foto daquele predio no centro com a imagem do Tiradentes e fantastico

    ResponderExcluir
  5. Parabéns pelas fotos, belíssimas, e o que escreve, retratando nossa linda BH. Só discordo sobre Morro do Papagaio 100% pacífica. Lógico que lá moram pessoas boas, trabalhadores. Por acaso nunca presenciou tiroteios, buscas, helicópteros parados com holofotes sobre o Morro? Adoro seus comentários gostei do site, mas, se não puder retratar a verdade, acho que não deve comentar.

    ResponderExcluir
  6. Parabéns pelo seu trabalho cara! Eu não sou fotógrafo, nem mesmo amador. Mas adoro fotografia e sempre achei que BH merecia ser retratada de uma forma tão magnífica, bela e poética quanto ela é. Obrigado por nos proporcionar este prazer!

    ResponderExcluir
  7. Sergio Leite Pedrosa12 de maio de 2016 16:56

    Caro Charles, parabéns pelo trabalho, suas fotos são de grande profundidade humana e artística; seu texto muito me emocionou, também amo esta cidade e , já ha um tempo, venho observando o processo de decadência que a envolve. Feia , escura, violenta, perdendo a vivacidade artística, cultural e humana, onde as ruas tomadas por camelôs e sujeira de monstra a falta de respeito dos poderes públicos peo espaço urbano. Caro Charles, você, como artista, fotógrafo brilhante que é, tem em mãos o necessário equipamento, a fundamental estrutura para desenvolver ou possibilitar o surgimento de um projeto de denúncia e apresentação de soluções para que a cidade não se perca no abismo da mediocridade. Nada como a arte para nos apresentar a luz no fim do túnel, enfim, de luz vive a fotografia. Charles, você já percebeu que em plena Praça Sete o obelisco comemorativo aos 100 anos da independência está abandonado, com os postes de iluminação desaparecidos, dois, os outros dois com uma luminária redonda modernosa e sem relação à historicidade do monumento...Se isto acontece na Praça Sete, imagine o estado de abandono da cidade...Sinta-se abraçado, qualquer dia aparecerei no Ed Acaiaca para conhecer a escola e, como sonho, me matricular.

    ResponderExcluir