quinta-feira, 20 de setembro de 2012

SECA
 
 
Nas últimas três semanas os belo-horizontinos estão sofrendo com o calor e a secura na cidade. Com temperaturas máximas de 33º nos dias mais quentes e humidade relativa do ar com mínimas próximas aos 20%, a situação se agrava na região central, onde a densidade de veículos e edifícios segregam o ar quente e impedem a circulação atmosférica. Na contramão da capital mineira, as outras duas grandes metrópoles do Sudeste estabelecem climas bem distintos: São Paulo com chuva de granizo e Rio de Janeiro com fortes ventanias. O alto contraste climático entre as três maiores cidades do Brasil, mesmo que próximas entre si, deve-se ao fim do inverno e à chegada de correntes marítmas frias e quentes em diferentes pontos do continente. Os metereologistas prevêem a chegada de uma frente fria na Grande Belo Horizonte amanhã, a qual deverá despencar a temperatura, deixando o fim de semana com máximas de 24º. Pancadas de chuva em áreas isoladas também estão previstas. Será uma trégua ao calor infernal que estamos vivendo na capital das alterosas?
 
Até amanhã!

2 comentários:

  1. Picture perfect. This city seems to be a big metropolis. Congrat!!!

    ResponderExcluir