sábado, 24 de janeiro de 2015

DOCE TEMPESTADE


E os bravos raios urraram forte na noite de ontem, estremecendo Belo Horizonte e iluminando com louvor os acinzentados céus que engrossavam demasiadamente. Porém, apesar do faniquito, caíram gotas incapazes de derreter açúcar. Como dizem, cão que ladra, não morde.

- Charles Tôrres

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog