terça-feira, 23 de abril de 2013

O CÉU, A CIDADE, AS MONTANHAS


O clima de montanha, o céu inconstante, o cidadão misterioso, a urbe gigante, as imensas avenidas que rasgam bairros ao meio como navalhas. Ando pela cidade sentindo sua atmosfera de metrópole, pensando como pode haver um lugar tão intenso e extenso, com milhares de cidadãos vivendo em uma relativa harmonia. Prédios que parecem querer tocar os céus, civis com apreço pelo futuro. Uma urbe poderosa e magnânima; com culturas e tradições que vão se moderando e alternando conforme vamos nos avançando em suas longínquas regiões. Como pilar central da economia de um dos principais estados da nação, Belo Horizonte pulsa e o mundo toma nota. E conforme o tempo avança, a cidade se transforma, afim de se destacar cada vez mais entre o olimpo das maiores metrópoles do planeta.

Tenham uma excelente noite e até amanhã!

2 comentários:

  1. Aproveito para elogiar todas as fotos maravilhosas postadas aqui são muito belas e de grande sensibilidade, parabéns, fiquei sem vir aqui por algum tempo, fiquei admirado com o quanto BH cresce e se expande.

    ResponderExcluir

Arquivo do blog