segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

CAOS TOTAL


Hoje Belo Horizonte bateu seu recorde, pelo menos ao meu ponto de vista. Foi o dia mais tumultuado da cidade nesse ano. Caos total, centenas de quilômetros de engarrafamentos, chuvas intensas e incessantes, tumulto no comércio e muita... muita gente nas ruas e avenidas. A verdadeira barafunda da perturbação urbana. Ingenuamente, arrisquei ir ao Centro, afim de resolver algumas pendências, mas fui recebido com uma cidade completamente parada, me tomando mais de 4h de locomoção, apenas no curto trajeto de 15km entre minha residência e a zona central da metrópole. E como se não bastasse, quase tive os olhos perfurados pelos guarda-chuvas dos cidadãos de estatura mais baixa que não se preocupam com os demais quando estão empunhando um guarda-chuva. Eu, com meus 1,80 metros de altura, sofro com isso, pois tenho que ficar desviando das arestas afiadas dos guarda-chuvas alheios. Por isso gente, faço um apelo: ao passar por alguém, levantem o guarda-chuva de vocês! Prestem mais atenção nos irmãos-cidadãos. A principal função do Natal é o ensinamento de que temos que ser mais tolerantes uns com os outros. Vamos tomar cuidado com os guarda-chuvas. Principalmente dentro de marquises. No Centro de BH praticamente não há calçada sem marquise. Portanto, você só precisa abrir o guarda-chuva ao atravessar uma rua. Não se esqueçam disso, ok? Garanto que os belo-horizontinos de maior estatura irão agradecer também.

E evitem passar pela região central da cidade...

Boa noite para vocês!

Um comentário:

  1. Que aflição sei o que é isto, e eu que tenho 1,83, um tormento ao andar nesses dias tumultuados e chuvosos em BH.

    ResponderExcluir

Arquivo do blog